Quem está ligado

Temos 20 visitantes e sem membros em linha

Requisição de Anilhas

cobl requisitar anilhas

Entrevista ao Criador

Tiago Jesus
Canários
Cor e Porte


tiago jesus stam 548l 01

Expo-Ave 2016

cobl15 m

Anibal Santos - STAM 313J

ENTREVISTA AO NOSSO SÓCIO

ANIBAL SANTOS - STAM Nº 313-J

anibal santos stam 313-j

 

Criador de aves exóticas

1. De quantos clubes és filiado e à quanto tempo?
Em tempos fui sócio do Clube Ornitológico do Porto, agora apenas sou sócio do COBL.

2. Já crias aves à quanto tempo?
Crio aves desde os meus 10 anos, portanto aos 29 anos.

3. Inicialmente começaste por criar que tipo de aves?
Inicialmente comecei por criar canários de porte e cor, desde: Norwich, Borders, Glosters, Frisados do Norte e Parisienses, já os de cor, foram os mosaicos vermelhos, ágatas vermelhos mosaicos, etc. Nessa altura os meus canários apanharam a doença da varíola e morreu-me todo o plantel de aves, mais tarde ainda acabei por adquirir mais alguns casais de mosaicos e acabei por tirar ainda algumas crias, mas os veterinários aconselharam-me a desistir de criar. Deixei de criar durante alguns anos, mas o bichinho estava cá dentro e voltei novamente a criar, agora exóticos.

4. Quando necessitas de adquirir algum exemplar para o teu plantel, a quem é que recorres ( lojas ou a criadores ) ?
Sempre que necessito de introduzir alguma ave no meu plantel, recorro a criadores e se possível, aqueles que me inspiram mais confiança. É que nas lojas, derivado à politica que os proprietários adoptaram de pagar pouco pelas aves, todos os criadores levam para lá as aves mais fracas. Eu por exemplo, vendo poucas aves para as lojas, mas as que vendo são as mais fracas, pois as melhores vendo-as na exposição ou a criadores que vêm a minha casa busca-las.

5. Que tipo de aves crias e com quantos casais?
Neste momento tenho 12 casais de goulds, 40 casais de bengalins e 16 casais de mandarins gigantes.

6. Tens participado nas exposições do clube ...?, qual a opinião sobre as mesmas?
Participei como expositor em 2009, penso que a qualidade das exposições organizadas por este clube, têm evoluído muito ano após ano.

7. Qual a tua opinião sobre o trabalho realizado pelas ultimas direcções do clube ?
Têm feito um grande trabalho em prol do clube, aliás para bem do clube têm de fazer uns ajustes, que é obrigar os criadores que estejam a vender em stands, terem um mínimo de aves expostas a concurso ( na minha opinião, pelo menos 20 aves)

8. O clube têm uma sede nova, qual a tua opinião sobre a mesma?
Como espaço é excelente, apenas têm um senão, fica fora de mão. Mas como foi uma oferta da Câmara Municipal de Oliveira do Bairro, já é muito bom poder-mos contar com um espaço desta envergadura. É necessário manter a sede tal como está, asseada e bem tratada, o que requer um esforço da direcção.

9. Já não é a primeira pessoa que sugere que o clube faça uma feira de aves, qual a tua opinião sobre esta situação?
Acho que era excelente, pelo menos uma vez por mês. A sede do clube é um local óptimo para a realização da mesma, essa mesma feira, tornava-se um local de convívio entre criadores e compradores.

10. Já há algum tempo que o clube não realiza nenhum colóquio sobre aves, achas que o clube deveria de apostar nestes eventos?
Acho que era bom, pois são eventos onde todos nós podemos aprender coisas novas.
Temos que mudar a mentalidade de muitos criadores, penso que deveria de haver mais abertura por parte destes, pois muitas das vezes não transmitem os seus conhecimentos e desta maneira a ornitologia não pode avançar.

11. Se um dia te convidarem para fazer parte de uma direcção do clube, estás disposto a colaborar?
Sim estou disposto a colaborar, apesar de o tempo não ser muito. Mas à que juntar esforços e dar a mão aos seus directores.

12. O clube têm uma página e um blogue na internet, qual a tua opinião sobre os mesmos?
Penso que é um bom meio de divulgação do clube, onde os criadores e nem só, podem tirar dúvidas e aprender como se criam passarinhos. É também um espaço onde os sócios, poderão ter acesso a informações mais rápidas da parte da direcção, pois está em constante actualização.

13. Foi eleita há bem pouco tempo, a direcção que vai dirigir os destinos do clube nestes próximos dois anos, queres deixar alguma mensagem à nova direcção?
Desejo as maiores felicidades a esta direcção e que continuem a levar o nome do clube o mais longe possível, de resto já enumerei uma medida que eles haviam de tomar, com essa medida iriam aumentar as aves expostas, melhorando a qualidade do evento.

14. Realizou-se em Matosinhos no final de Janeiro do corrente ano, o 58º Mundial de Ornitologia, tiveste a possibilidade de ir visitar este evento...?, qual a tua opinião sobre o mesmo?
Foi estupendo ver a variedades de aves expostas num evento desta envergadura, pena é que aqui em Portugal, não possam ainda aparecer aves nas exposições como aparecem nestes grandes eventos. Têm que haver mais abertura da parte das autoridades para que se possam criar em cativeiro alguns tipos de aves, principalmente aves de fauna Europeia. De resto um Mundial muito bem organizado, os meus sinceros parabéns a todos que contribuíram para um evento destes.


Algumas perguntas sobre a criação das tuas aves


1. Costumas juntar as tuas aves em que altura?
Normalmente juntos em finais de Setembro.

2. Antes de os juntar dás algum tratamento especial?
Costumo dar um tratamento para as salmonelas, para que as aves estejam em boas condições quando as junto.

3. Quantas horas de luz dás às tuas aves, quando estas estão no período de criação?
Dou-lhes 14 horas de luz diárias.

4. Costumas utilizar madrastas para alimentar alguns tipos de aves?
Eu tiro os meus goulds sempre com os bengalins.

5. Quantas posturas normalmente fazem as tuas aves?
Entre 4 a 5 posturas, não as deixo fazer mais, pois muitos dos meus casais ficam cá em casa, para a próxima época de criação

6. Dás alguma alimentação especial às tuas aves?
Dou-lhes a ração normal para exóticos , as espigas e papas, de resto não dou nada de especial.

7. A época está a correr bem ou nem por isso?
Esta época não me está a correr muito bem, derivado ao frio houve muitos passarinhos que me morreram, vamos lá ver se o tempo melhora, para que as coisas comessem a correr melhor.

8. Neste momento já tens quantas aves novas?
Neste momento tenho 120 aves anilhadas.

9. Tens facilidade em vender as tuas aves?
Neste momento penso que não está fácil para ninguém vender aves, o dinheiro não abunda e os criadores retraem-se nas compras.
De qualquer maneira vendo muito bem os goulds aqui em casa, pois são aves com um bom porte, esse mais tivesse mais vendia.

 

anibal santos stam 313j 01   anibal santos stam 313j 02

anibal santos stam 313j 03   anibal santos stam 313j 04

 

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.


Entrevistador – Tóni Duarte

Em meu nome e da direcção do clube, agradeço a tua disponibilidade em dares esta entrevista. Desejo-te as maiores felicidades para o resto da criação e que possas aparecer com boas aves na EXPO – AVE 2010.

Entrevistado – Aníbal Santos
Eu é que agradeço a tua disponibilidade em me fazeres esta entrevista, pois também é uma maneira de nós ( sócios do clube), expormos as nossas ideias.